Semana da Leitura no AEPBS foi vivida sob o mote “Somos o que Lemos”!

Semana da Leitura no AEPBS foi vivida sob o mote “Somos o que Lemos”!

A Semana da Leitura decorreu, no Agrupamento de Escolas Padre Benjamim Salgado, de 15 a 20 de março, sob o mote “Somos o que Lemos”, este ano, em versão online.

Se é verdade que somos o que lemos, esta semana fomos muito mais e muito melhores, pois as atividades não pararam desde o pré-escolar ao ensino secundário, envolvendo as famílias e os professores que desejaram associar-se.

Assim, as Bibliotecas Escolares do 1.º ciclo assinalaram a Semana da Leitura com um conjunto de atividades presenciais e online, nas várias escolas do 1.º ciclo.

A leitura da obra “A Maior flor do Mundo” de José Saramago levou os alunos do 4.º ano a festejar a leitura como ato de prazer e de imaginação. Aprenderam ainda valores como a humildade, esperança e perseverança.

Já a leitura da obra “As Gravatas do meu Pai” levou os alunos a viajar até ao guarda-fatos do pai para usarem gravatas sonhadoras, sinceras, românticas…

A iniciativa” Famalicão a ler” envolveu durante 15 minutos todas as turmas do primeiro ciclo na leitura de diferentes histórias e textos. No 2.º e 3.º ciclo e ensino secundário, também houve muitas turmas a ler, dando sentido ao nome da atividade.

Na Rádio Cidade Hoje e na FamaTV foi transmitida a leitura de um excerto do Principezinho, lido pelo Tiago Correia. Este evento sensibilizou mais uma vez para a importância da criação e consolidação de hábitos de leitura nos leitores mais jovens e demais comunidade escolar.

As alunas, Beatriz Neto e Mafalda Correia, participaram na atividade “Leituras ao Serão”, via online, declamando os poemas “Números” in Versos com reversos, João Pedro Mésseder e Reciclagem in O alfabeto da natureza, José Jorge Letria. No 2.º e 3.º ciclos contamos com as leituras dos alunos: Joana Leite, com o poema “Ser Poeta” de Florbela Espanca; Beatriz Dias, com o poema “Liberdade de Fernando Pessoa; Tiago Correia, com o poema “O amigo aprendiz”, de Fernando Pessoa; João Hernâni, com o poema “As mãos”, de Manuel Alegre; Solange Freitas, com o poema “Promontório”, de João Pedro Mésseder e André Rodrigues, com o poema “As palavras”, de Eugénio de Andrade.

Alguns professores também se associaram e leram poemas de Fernando Pessoa, Sophia de Mello Breyner, de António Gedeão, de Jorge Sousa Braga, de Miguel Torga e da sua autoria, como foi o caso da professora Raquel, que quis homenagear os pais.

Alguns familiares contribuíram para o enriquecimento da atividade com as suas opiniões, dinamizando um pequeno debate em torno da poesia. Conseguimos, desta forma passar um serão maravilhosamente poético.

Diariamente, foram publicadas leituras, na página do Agrupamento, feitas e gravadas pelos nossos alunos, no âmbito do projeto “Uma leitura por dia, nem sabes o bem que te fazia”.

Concluíram-se as atividades com um Reading Tea, dinamizado pelo Grupo de Inglês e, uma vez que era dia 19 de março, Dia do Pai, as Bibliotecas do Agrupamento presentearam a comunidade escolar com a gravação da leitura do livro “O meu pai é o melhor do mundo”, efetuada pela própria autora, Maria João Lopo de Carvalho.

Foi, portanto, uma semana durante a qual a leitura foi rainha!


Email