Matilde Silva | vencedora do Concurso Nacional de Leitura

A aluna Matilde Vilarinho Silva, da turma A de 6º ano, do Agrupamento de Escolas Padre Benjamim Salgado,  venceu a 15ª edição do Concurso Nacional de Leitura, por isso se deslocou a Almada, acompanhada pelas professoras bibliotecárias Fátima Pires e Carmo Machado, que a apoiaram.

O Concurso Nacional de Leitura decorreu em Almada, no passado sábado, mobilizando 7.500 jovens de todo o país em torno da leitura. Chegaram à fase final 200 finalistas, que se reuniram este sábado para a entrega de prémios.

Foi um dia cheio de emoções, com a Matilde Silva a passar de fase em fase até vencer a final, deixando o nosso agrupamento cheio de orgulho.

Nesta festa da leitura estiveram presentes o Presidente da República, o Ministro da Educação e muitas outras personalidades, que apoiam o evento e fazem a apologia a leitura.

Na final do Concurso Nacional de Leitura, o Ministro da Educação, João Costa, deixou uma missão a todos os alunos que participaram: "Encontrem um amigo que não gosta de ler ou que não gosta de livros porque simplesmente ainda não tropeçou no livro certo. Vocês têm de ser os embaixadores da leitura! Cada um de vocês, se cada um dos 7500 alunos que participaram neste concurso criar um novo leitor, para o ano seremos 15 mil!”

A missão é nossa e seremos todos embaixadores da leitura, com esforço e dedicação no próximo ano estaremos lá novamente.

Muitos parabéns à Matilde!

 

Matilde CNL

 

 

Missão

O Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado ambiciona contribuir para impulsionar um modelo pedagógico ajustado às necessidades e interesses dos seus alunos, sendo capaz de responder aos anseios da comunidade envolvente e às exigências do mundo atual e, assim, preparar e qualificar os seus alunos para ingressarem na vida ativa ou para prosseguirem os seus estudos, munindo-os de capacidades que garantam a sua empregabilidade e a aprendizagem ao longo da vida.

Visão

O Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado trabalhará para ser reconhecido como organização de referência nas relações com a comunidade onde se insere, no combate ao insucesso e ao abandono escolar e na promoção de uma cultura de esforço e exigência, de valores e de princípios de justiça, igualdade, transparência, respeito pela diferença e solidariedade.