Escolas do AEPBS

Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado

O Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado engloba o jardim-de-infância de Agra Maior, de Joane e de Boca do Monte; as escolas básicas do primeiro ciclo: Escola Básica de Agra Maior, Escola Básica de Estalagem, Escola Básica de Boca do Monte, Escola Básica de Pousada de Saramagos e a Escola Básica de Joane; a escola básica dos segundo e terceiro ciclos: Escola Básica Bernardino Machado e, por último, a escola do terceiro ciclo do ensino básico e do ensino secundário: Escola Secundária Padre Benjamim Salgado (escola sede). O agrupamento integra ainda o Centro Qualifica (CQ) de Vila Nova de Famalicão. É, pois, um agrupamento com currículos diversificados e pluralidade de ofertas formativas vocacionada para a educação básica e secundária, mas também para dar resposta à formação de adultos, sendo, pois, uma instituição escolar aberta às necessidades da comunidade.

Escola Secundária de Padre Benjamim Salgado

A Escola Secundária de Padre Benjamim Salgado... Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Integer adipiscing erat eget risus sollicitudin pellentesque et non erat. Maecenas nibh dolor, malesuada et bibendum a, sagittis accumsan ipsum. Pellentesque ultrices ultrices sapien, nec tincidunt nunc posuere ut. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Nam scelerisque tristique dolor vitae tincidunt. Aenean quis massa uada mi elementum elementum. Nec sapien convallis vulputate rhoncus vel dui.

Escola Básica Bernardino Machado

A Escola Básica Bernardino Machado (EBBM), foi até 28 de junho de 2012 sede do Agrupamento de Escolas Bernardino Machado. Com a criação do Agrupamento de Escolas de Padre Benjamim Salgado, esta escola passou a ter em funcionamento os 5º, 6º e 7º anos de escolaridade.
O edifício escolar, formado por quatro blocos, conta com trinta salas de aula, sendo oito destas salas específicas: duas salas de informática, dois laboratórios (um de Ciências Naturais e outro de Ciências Físico-Químicas, uma sala de Educação Musical, duas salas de Educação Visual e uma sala de Educação Tecnológica. A escola dispõe também de biblioteca (com uma sala totalmente equipada com computadores), papelaria, bar e cantina. No espaço exterior possui duas partes cobertas, um campo de jogos e diversos espaços ajardinados.
Localiza-se junto ao Complexo Desportivo da Vila de Joane e à Escola Básica de Joane.

Escola Básica de Joane

A Escola Básica de Joane (EBJ), também conhecida como Centro Escolar de Joane inaugurou-se a 28 de março de 2012, dia de aniversário de Bernardino Machado, figura de destaque na história da vila e do concelho, defensor da educação.
Com a abertura da EBJ foram desativadas cinco escolas: Mato da Senra, Giestais, Cima de Pele, Avenida e Jardim-de-infância de Montelhão. Atualmente funciona com as valências de jardim-de-infância, primeiro ciclo e sala de apoio à aprendizagem para alunos com perturbações do espetro do autismo.
O edifício escolar, formado por três blocos, conta com vinte e duas salas de aula, uma das quais totalmente equipada com computadores, uma sala multifunções, biblioteca e cantina. No espaço exterior possui uma parte coberta e protegida do vento, um parque infantil e diversos espaços ajardinados.
Localiza-se junto ao Complexo Desportivo da Vila de Joane e à Escola Básica Bernardino Machado.
A Vila de Joane encontra-se a 11 Km de Vila Nova de Famalicão (sede de concelho) e é um importante ponto de passagem de tráfego rodoviário. Tem uma população de cerca de 8000 habitantes e ocupa uma área de 725 ha. A indústria e o sector de serviços são as atividades económicas mais desenvolvidas nesta vila.
A população joanense conta com uma feira semanal, localizada no denominado Campo da Feira e que se realiza todos os sábados.
A vila dispõe de um parque de lazer, Parque da Ribeira, situado no centro de Joane, com cerca de 6000m2.
A Vila de Joane orgulha-se da sua representatividade ao nível das manifestações culturais, nomeadamente, dos grupos folclóricos: Grupo Infantil Danças e Cantares, Grupo de Danças e Cantares e Grupo Etnográfico Rusga de Joane.
Joane conta também, com um património arquitetónico constituído pela Igreja e por algumas capelas: a Igreja Nova (iniciada em 1955), as capelas de Senhora da Carreira (séc. XIV), de S.Bento (citada nas atas de visitação de 1655) e a de o Senhor dos Santos Passos (referenciada nas atas de visitação de 1672, antiga capela de Santo André).
Acresce o cruzeiro ou pelourinho do séc. XVII, sito no Largo 3 de Julho, os inúmeros marcos limite de paróquia e concelho, o acervo patrimonial de Vila Boa, Casa de Romão, Casa do Barão de Joane, Casa da Cividade e a casa do Passal, atual residência paroquial.
O movimento associativo, para além do folclore, estende-se ao desporto, cultura, recreio e serviços sociais. Destacam-se: Grupo Desportivo de Joane; Associação Teatro Construção; Centro Social da Paróquia de ACIP – Casa da Vila; Joane; Sociedade Columbófila de Joane; Joane BTT; Juventude Joanense; Agrupamento de Escuteiros; Fraternidade Nuno Alvares; Associação de Reformados de Joane; Didascália – Teatro: Escola Atletismo Rosa Oliveira; Associação Moradores AMITORRE.
Quanto a equipamentos e serviços, Joane dispõe de 6 agências bancárias C.G.D., Millenium BCP, BPI, Santander, Montepio Geral. O serviço público conta Biblioteca Municipal, Centro Cultural de Joane, Centro de Saúde de Joane, CTT Posto do Correio, Farmácia, G.N.R., Junta de Freguesia de Joane, Piscinas Municipais, Táxis, Jornal Repórter Local e Loja Social Interfreguesias. No que respeita a Estabelecimentos de Ensino, além da oferta pública anteriormente referenciada, a vila de Joane está dotada de pré-escolar do ATC e pré-escolar Centro Social e Paroquial.

Escola Básica de Agra Maior/JI

A EB de Agra Maior integra Educação Pré-Escolar e 1º Ciclo (1º e 2º anos de escolaridade). O Edifício sofreu obras de requalificação em 2010. É composta por duas salas onde funciona a Educação Pré-Escolar, três salas para lecionar 1º Ciclo, biblioteca, cantina e espaço exterior com campo de jogos e parque infantil.
As escolas de Vermoim integram a rede de escolas do Concelho de Vila Nova de Famalicão. Situam-se a 7 km da cidade sede concelhia. Vermoim é um meio predominantemente fabril (têxtil) e rural. Em termos económicos, Vermoim pertence a um grande núcleo industrial de onde fazem parte também Pousada de Saramagos, Joane e Mogege.
A maioria da população, que é numerosa, trabalha nas fábricas e os seus filhos ficam a maior parte do tempo entregues aos serviços de ATL. Vermoim é uma das freguesias com mais história do concelho de Vila Nova de Famalicão. No monte onde se iniciou o povoado, terá existido um castro importante, integrado numa civitas anterior à época Romana. O povoamento de Vermoim está demonstrado pela existência de um castelo medieval com origem num castro erguido no monte sobranceiro à freguesia, embora fora da sua área atual. A povoação existente junto do Castelo de Vermoim, que era o centro administrativo do Julgado de Vermoim, foi destruída pelos Muçulmanos e pelos Normandos. Aparece documentada desde o século XI, dando o nome ao Julgado de Medieval que se estendia entre os rios Este e o Ave, correspondendo grosso modo ao atual concelho de Vila Nova de Famalicão e algumas freguesias dos concelhos de Stº. Tirso e Guimarães. Gradualmente, Vermoim perdeu o seu lugar de centro administrativo e religioso em prol de Vila Nova de Famalicão.
O património de Vermoim é composto pela igreja matriz foi construída no ano de 1769 e restaurada em 1999, pelo Salão Paroquial inaugurado em 1995, pela Capela do século XIX e Largo Senhora do Amparo, pelo Palácio da Igreja Velha que é uma construção do século XIX (1881) e cujas origens remontam ao século XI, época em que terá existido neste local a antiga Igreja de Vermoim.

Escola Básica de Pousada de Saramagos

A escola Básica de Pousada de Saramagos, tal como o nome indica, situa-se na freguesia de Pousada de Saramagos. É uma freguesia que confina com as freguesias de Joane, Mogege, Castelões, Vermoim e Telhado, distando cerca de 9km com a sede concelhia e 13 km da cidade de Guimarães. O seu peculiar topónimo advém do facto de aí proliferar o rábano-silvestre vulgarmente denominado por "saramagos". A freguesia possui um rico património edificado, na sua maioria de índole religiosa e algumas casas solarengas, que nos remetem para o passado rural da região, onde atualmente se encontram instaladas inúmeras empresas têxteis. Tendo em atenção a distribuição da população pelos diferentes setores económicos, o secundário e o terciário revelam ser importantes polos geradores de emprego, cabendo à indústria têxtil a maior absorção de mão- de-obra da Freguesia.
O edifício escolar mantém a traça originária, enquadrando-se no denominado Plano Centenário, com quatro salas espaçosas, bem iluminadas e arejadas. A zona envolvente, denominada por recreio, inicialmente, era limitado e um pouco perigoso, em virtude da existência de muitas zonas rochosas. As instalações sofreram obras de ampliação no ano de 2008, com a construção de uma cantina, uma pequena cozinha, casas de banho e uma sala de professores. Nesta mesma fase de ampliação, arranjaram a zona dedicada ao recreio, retirando todas as rochas existentes e construíram, para gáudio de todos, um campo de futebol. Entretanto os anos passaram e as instalações primitivas, salas de aula e corredores de acesso, danificaram-se e no ano letivo 2014/15 realizaram-se obras de beneficiação, com arranjo das condições físicas e de aquecimento destes espaços.
Atualmente a escola tem boas condições para acolher todos os alunos e proporcionar-lhes um ensino de qualidade.

Escola Básica de Estalagem

A EB de Estalagem é uma das escolas dedicada ao 1º Ciclo (3º e 4º anos). O edifício sofreu obras de requalificação em 2013 e é constituído por quatro salas de aula. Está equipada com cantina e campo de jogos.
As escolas de Vermoim integram a rede de escolas do Concelho de Vila Nova de Famalicão. Situam-se a 7 km da cidade sede concelhia. Vermoim é um meio predominantemente fabril (têxtil) e rural. Em termos económicos, Vermoim pertence a um grande núcleo industrial de onde fazem parte também Pousada de Saramagos, Joane e Mogege.
A maioria da população, que é numerosa, trabalha nas fábricas e os seus filhos ficam a maior parte do tempo entregues aos serviços de ATL. Vermoim é uma das freguesias com mais história do concelho de Vila Nova de Famalicão. No monte onde se iniciou o povoado, terá existido um castro importante, integrado numa civitas anterior à época Romana. O povoamento de Vermoim está demonstrado pela existência de um castelo medieval com origem num castro erguido no monte sobranceiro à freguesia, embora fora da sua área atual. A povoação existente junto do Castelo de Vermoim, que era o centro administrativo do Julgado de Vermoim, foi destruída pelos Muçulmanos e pelos Normandos. Aparece documentada desde o século XI, dando o nome ao Julgado de Medieval que se estendia entre os rios Este e o Ave, correspondendo grosso modo ao atual concelho de Vila Nova de Famalicão e algumas freguesias dos concelhos de Stº. Tirso e Guimarães. Gradualmente, Vermoim perdeu o seu lugar de centro administrativo e religioso em prol de Vila Nova de Famalicão.
O património de Vermoim é composto pela igreja matriz foi construída no ano de 1769 e restaurada em 1999, pelo Salão Paroquial inaugurado em 1995, pela Capela do século XIX e Largo Senhora do Amparo, pelo Palácio da Igreja Velha que é uma construção do século XIX (1881) e cujas origens remontam ao século XI, época em que terá existido neste local a antiga Igreja de Vermoim.

Escola Básica de Boca do Monte/JI

A EB de Boca do Monte localiza-se em Mogege, uma das freguesias mais industrializadas de Vila Nova de Famalicão. Mogege encontra-se no extremo leste do concelho de Vila Nova de Famalicão, no limite deste com o de Guimarães, distando cerca de 12,5 Km da sua sede. Banhada pelo rio Pele e delimitada pelas freguesias vizinhas de Joane, Ronfe, Pedome, Oliveira Santa Maria, Castelões e Pousada de Saramagos, Mogege estende-se por uma área de 298 hectares. No que respeita a património, Mogege frui da Igreja Paroquial, da Capela de S. José, das Alminhas de Ventuzela, Berredo e Portela e ainda do Parque Desportivo de Mogege. Em Mogege existe uma forte indústria têxtil e de calçado, empregando cerca de 5000 operários. Já em 1845 existia nesta freguesia, segundo o inquérito industrial da altura, uma das duas fábricas do concelho onde imperava o algodão: a fábrica de algodão e linho de José Luís Ferreira, com 10 homens, 4 mulheres e 3 menores. O inquérito industrial de 1890 já identifica 12 unidades de algodão empregando 164 indivíduos (Produção: 245 500 M). Foi em Mogege que surgiu a Empresa Fabril do Minho, que se tornou numa das fábricas têxteis mais importantes dos pais, fundada pelo comendador Manuel Ferreira Barbosa. Marcada por um forte crescimento populacional e habitacional apresenta-se atualmente como uma freguesia bastante urbanizada, conservando contudo alguns traços de ruralidade. A freguesia de Mogege possui, como infra estruturas de serviços sociais, a Associação Desportiva do Carril, a Associação Desportiva e Recreativa de Mogege, a Associação Rede Jovem, a Associação de Pais de Mogege, O Centro de Dia Nascer do Sol de Mogege e o Agrupamento 133, do Corpo Nacional de Escutas.
A Escola tem um edifício tipo P3, com 4 salas de aula de 1.º Ciclo, 1 sala de Jardim de Infância, 1 biblioteca, 1 cantina, 1 sala de professores, 4 casas de banho para alunos e 1 para adultos. O recreio exterior é amplo e conta com vários espaços diversos para as brincadeiras das crianças.